Segunda-feira, 30 de Junho de 2008

O zumbido d' A Mosca

Estávamos em 1986 quando David Cronenberg realizou a sua perturbadora e pioneira experiência cinematográfica, A Mosca. Vinte anos passados e o cineasta parte para a concretização de mais uma ideia peregrina, do tipo das que prometem quebrar barreiras ou, pelo menos, ser alvo de falatório pelo mundo fora.

 

Façamos um esforço de criatividade e imaginemos A Mosca em formato ópera...

 

A tarefa é árdua mas, a haver alguém com capacidade para que o projecto seja bem sucedido, será, sem dúvida, o mestre do gruesome factor esteticamente poético. Ainda para mais, a dar-lhe uma mãozinha no departamento musical vai estar o amigo e compositor da banda sonora do filme, Howard Shore.

 

Isto merece acompanhamento. Ora recordem lá...

 

 

 

 

publicado por Quanto Mais Quente Melhor às 11:28
link do post | comentar

mais sobre mim


ver perfil

seguir perfil

. 86 seguidores

pesquisar

subscrever feeds

posts recentes

Em coma...como a Noiva de...

Estrelas de cinema na pub...

Ensaios de luxo

Uma visita com Walt

Desculpas e mais desculpa...

O Sítio das Coisas Selvag...

Trailer de The Lovely Bon...

Ela quase emigrou mas est...

arquivos

Janeiro 2010

Outubro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

tags

todas as tags