Sábado, 5 de Abril de 2008

Faltava "A" estreia da semana...



Coeurs
, de Alan Resnais, deixa ofuscados quaisquer outros filmes que se atrevam a estrear na mesma semana. Andava desde quinta-feira para escrever sobre ele mas queria ter mais do que cinco/dez minutos para o fazer. É agora.

Alan Resnais é, no que à periodicidade da sua criação diz respeito, um Daniel Day-Lewis da realização. Fica uns anos a marinar e quando volta arrebata o seu público. Provavelmente Coeurs vai ser visto por muito poucos espectadores mas merecia ser exibido para, pelo menos, suficientes pessoas para criar um culto de adoração à sua volta. Não que seja o filme das nossas vidas mas é tão gratificante ver a dedicação com que o realizador se move, ver o cuidado e estratégia que aplica a cada plano, que, nunca, mas nunca, parecem gerar artificialidade, que Coeurs ficará decerto na memória de todos os que o decidirem ver.

Estamos em Paris junto a seis protagonistas numa busca incessante por amor (que não é lamechas, nem aborrecida e que, sendo desesperada, não é obssessiva). Cada uma das personagens é um protagonista, nenhuma se sobrepondo à importância da outra, e cada cena é uma encenação digna de teatro sem que, como dizia ontem este jovem, se torne num "teatro filmado" (esta semana, isso é com o Sleuth).

Não vale a pena desvendar muito mais deste filme do mesmo senhor que fez Hiroshima, meu amor a não ser para deixar no ar algumas das imagens que vão, sem dúvida, deixar marca se passarem pelo cinema para assistir a Coeurs.

1. A neve em Paris. A neve como ponto de viragem.
2. O ultra-religiosa quando em ambientes públicos que se torna artista porno em momentos de maior privacidade.
3. O cenário fantástico que é o bar onde Dan (Lambert Wilson) afoga os seus desgostos e onde Lionel (Pierre Arditi) serve bebidas. Não há um assim em Lisboa porquê?
publicado por Quanto Mais Quente Melhor às 12:42
link do post | comentar

mais sobre mim

pesquisar

subscrever feeds

posts recentes

Em coma...como a Noiva de...

Estrelas de cinema na pub...

Ensaios de luxo

Uma visita com Walt

Desculpas e mais desculpa...

O Sítio das Coisas Selvag...

Trailer de The Lovely Bon...

Ela quase emigrou mas est...

arquivos

Janeiro 2010

Outubro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

tags

todas as tags

links