Terça-feira, 26 de Fevereiro de 2008

De volta do Fantas...

...mas com regresso anunciado. Voltei esta manhã do Porto, depois de uma passagem de médico pela abertura do Fantas. Para que não digam "ah e tal, entao mas alguma vez um festival se mede pela noite inagural", eu aviso que voltarei à Invicta, se tudo correr bem, na sexta-feira.
O Fantas, diz-se, é o festival de cinema em Portugal com o espírito mais fiel e com a maior quantidade de público reincidente. Isso nota-se a cada passo (embora o aparato de ontem dificilmente envolva o comum dos espectadores).

Há anos que combino e descombino idas ao Fantas mas nenhuma delas tinha chegado a concretizar-se. Cheguei, finalmente este ano, ao Fantas acreditada como jornalista (e o anúncio deste pormenor tem um propósito) e fui muito bem tratada. É para isso que serve este post. Para dizer aos senhores de alguns festivais (não me refiro apenas a eventos cinematográficos) de Lisboa que sigam o exemplo da descontracção que se vive no Fantas. Informação disponível, organização pronta para falar, acesso a tudo o que seja requerido pelo jornalista e simpatia nortenha como só a malta de cima sabe ter.

E eu pergunto. Não é muito mais simpático fazer com que um ajuntamento deste pareça um encontro de amigos ao invés de parecer uma gala de pessoas supostamente muito importantes? É, sim senhores, e o Fantas parece fazê-lo muito bem.

Tenho o programa todo sublinhado nos fins-de-semana, com riscos particularmente agressivos nos filmes que quero mesmo ver. Se for é mesmo exclusivamente para esse efeito: devorar compulsivamente filmes. Esperemos que este planeamento não sofra alterações.

Deixo-vos a reportagem que fiz para o Sapo.
publicado por Quanto Mais Quente Melhor às 19:30
link do post | comentar
2 comentários:
De Engenheiro a 27 de Fevereiro de 2008 às 02:06
Olá Inês.
Questão 1: acabaste com o podcast?
Questão 2: sabes dizer-me quanto custa cada bilhete no âmbito do fantasporto? eu queria ver alguns filmes, principalmente coreanos e japoneses que não chegam cá às nossas salas, muito menos no Porto, mas se levar companhia gostava de saber quanto irei gastar?

Abraços, Engenheiro, do antigo Yakalike
De Quanto Mais Quente Melhor a 27 de Fevereiro de 2008 às 09:06
Olá!!
Em relação ao podcast, parei de o fazer porque está em preparação um magazine sobre cinema que deverá estrear em breve no Sapo. Decidi dedicar o tempo que dedicava ao podcast para preparar o dito programa com mais cuidado. No entanto, as coisas têm demorado mais porque estamos à espera que chegue o genérico do programa para podermos começar. É por isso que não tens visto actividade na página do Acabo de Ver.

Quanto à tua segunda pergunta, e segundo o que me diz o programa do Fantas que tenho aqui à frente, os bilhetes para sessões normais custam 4 euros. Só nas sessões de abertura e de encerramento é que o custo sobe para 5 euros.

Beijinhos e bons filmes. Pode ser que ainda nos cruzemos por lá. :)

Comentar post

mais sobre mim


ver perfil

seguir perfil

. 86 seguidores

pesquisar

subscrever feeds

posts recentes

Em coma...como a Noiva de...

Estrelas de cinema na pub...

Ensaios de luxo

Uma visita com Walt

Desculpas e mais desculpa...

O Sítio das Coisas Selvag...

Trailer de The Lovely Bon...

Ela quase emigrou mas est...

arquivos

Janeiro 2010

Outubro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

tags

todas as tags